Segunda-feira, 22 de Abril de 2019
CELEBRAÇÃO
Em missa de aniversário, bispo exalta “caridade samaritana” do HNSD e pede atenção especial aos mais pobres

Hospital Nossa Senhora das Dores completa 160 anos e vive fase de expansão

Rodrigo Andrade Publicado em 11/04/2019 - 22h22
Missa celebrou os 160 anos do HNSD - Foto: Rodrigo Andrade/DeFato

Os 160 anos de fundação do Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD) foram celebrados em uma missa na noite desta quinta-feira, 11 de abril, na Catedral Diocesana de Itabira. Durante o ato religioso, o bispo Marco Aurélio Gubiotti usou a passagem do bom samaritano, narrada na Bíblia, para exaltar o papel filantrópico da instituição. Ele também pediu à direção tratamento especial aos pacientes mais pobres.

Presidente da Irmandade Nossa Senhora das Dores (INSD), mantenedora do hospital, o bispo diocesano afirmou que a entidade, por preservar os princípios cristãos, deve se basear no que Jesus Cristo disse aos doutores da lei quando contou a parábola do samaritano: “Vai e faze tu a mesma coisa”. “A nós, Irmandade, provedoria, direção, corpo clínico e funcionários, foi confiado prosseguir com a caridade samaritana. Todos aqueles que chegam ao hospital nos foram conferidos para ajudarmos”, disse dom Marco Aurélio.

Ainda de acordo com o religioso, a missão que tem os atuais diretores do HNSD impõe a preparação, “com alegria e coragem”, dos próximos 160 anos da instituição. Para o bispo, essa trajetória deverá passar, obrigatoriamente, pela atenção aos mais pobres. “Para além dos interesses pessoais e vaidades, nós sonhamos com o serviço de saúde hospitalar que atenda a todos sem distinção e desenvolva um atendimento que não vise o lucro com a doença. E que tenha um atendimento especial e diferenciado para o enfermo pobre. Esta é a nossa prioridade. Foi assim que nós nascemos e assim que nós queremos continuar, fiéis à nossa origem e à nossa história”, disse.

HNSD completa 160 anos de atividades em Itabira – Foto: Rodrigo Andrade/DeFato

Crescimento

As comemorações dos 160 anos do HNSD acontecem em meio à fase de expansão pela qual passa a casa de saúde. O hospital busca novos serviços e enxerga na alta complexidade o cenário para atender cada vez mais pessoas em Itabira e cidades da região.

Provedor do HNSD, Vaquimar Vaz afirma que Nossa Senhora das Dores, apesar da marca histórica e rumo aos dois séculos de existência, vive uma renovação diária. “A gente se sente muito pequeno neste contexto todo e procura fazer sua parte para dar continuidade a esta história que começou há 160 anos. Todo dia é uma renovação. As várias tipologias de enfermidade estão aí, mas o hospital está sempre se preparando e se renovando para acolher os necessitados”.

HNSD entrega em setembro novo Pronto Atendimento para usuários de planos de saúde

“Agora mesmo nós estamos avançando para a implantação do serviço de radioterapia. Teremos o tratamento completo em oncologia. Estamos correndo atrás para oferecer o máximo possível de atendimento”, acrescentou o provedor. Com a radioterapia, o HNSD passa a ser referência para uma população de 500 mil pessoas no tratamento contra o câncer.

Provedor Vaquimar Vaz diz que hospital vive renovações diárias – Foto: Rodrigo Andrade/DeFato

Comemorações

A missa na Catedral foi o segundo ato das comemorações do aniversário do HNSD. No último domingo (7), o hospital já havia realizado uma corrida rústica em parceria com clubes de Rotary de Itabira.

O terceiro ato acontece no próximo sábado, 13, com um baile em comemoração aos 160 anos do hospital, no salão de festas do clube Ativa. Durante a festa, será lançada e entregue a comenda Monsenhor Felicíssimo, que homenageará cinco personalidades que contribuíram para o crescimento e desenvolvimento do HNSD. Três destas medalhas serão entregues para os que estão vivos e duas homenagens serão in memoriam e entregue aos familiares dessas personalidades.

Veja mais fotos da missa de aniversário do HNSD: 


Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.