Domingo, 24 de Março de 2019
DÉBITOS
Secretaria de Saúde de Itabira tem dívidas previstas para até 2021

De acordo com Rosana Linhares, os pagamentos das parcelas foram negociados com as instituições

Anna Gonçalves Publicado em 27/02/2019 - 16h59
Secretária de Saúde apresenta números da pasta - Foto: Anna Gonçalves/DeFato

Os números referentes aos gastos com a saúde de Itabira no 3º Quadrimestre de 2018 foram apresentados em Audiência Pública nesta quarta-feira, 27 de fevereiro, pela Secretaria de Saúde no plenário da Câmara Municipal. A responsável pela pasta, Rosana Linhares, comentou sobre as dívidas do estado com a cidade e sobre os débitos que Itabira tem com prestadores de serviço na área, que estão escalonados até 2021.

Segundo a secretária de Saúde, o município tem uma dívida com os dois hospitais (Hospital Nossa Senhora das Dores e Hospital Carlos Chagas) avaliada em R$ 8 milhões com prestações acordadas para até 2021. “Já negociamos essa dívida em parcelas que serão pagas em até três anos. Estamos estudando também uma dívida com o HNSD, que não está prevista e negociada, em aproximadamente R$ 8 milhões. Mesmo que essa divina venha de outra gestão, temos que honrar as contas”, disse.

Secretária aponta os números da pasta de Saúde e mostra dívidas a serem pagas – Foto: Anna Gonçalves/DeFato

Rosana Linhares também reafirmou que se a dívida do Governo de Minas Gerais estivesse sendo repassada, Itabira poderia hoje quitar seus compromissos com os hospitais e prestadores de serviço. Nessa terça-feira, 26 de fevereiro, DeFato Online mostrou que o débito do estado com o município, somente na área da Saúde, é de R$ 22 milhões.


Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.