Quinta-feira, 23 de Maio de 2019
EDUCAÇÃO
Primeira mulher indígena conclui curso de direito da UFPA

Cleyce Anambé abordou a violação dos direitos humanos indígenas durante o período da ditadura militar na defesa do TCC

Publicado em 14/03/2019 - 14h47
Foto: Arquivo Pessoal

A formanda Cleyce Anambé é a primeira mulher indígena a concluir o curso de direito da Universidade Federal do Pará (UFPA). De acordo com o portal G1, na quarta-feira, 13 de março, ela defendeu o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) sobre a violação dos direitos humanos indígenas no período da ditadura militar no Brasil.

Em entrevista ao site, Cleyce disse que vive às margens do rio Cairari, nas proximidades da vila Elim, zona rural de Moju, no nordeste do Pará. Ela contou que ingressou na universidade pública pelo Processo Seletivo Especial (PSE), em 2013, e saiu de Moju para viver em Belém, distante cerca de 125 quilômetros dos parentes indígenas. Desde então, ela casou e teve uma filha, que está com três meses atualmente. “A trajetória na faculdade é muito difícil, tive que largar tudo e a minha família quando vim para Belém, não conhecia nada aqui, o primeiro ano foi bastante difícil quando morei sozinha”, disse.


Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.