Sábado, 20 de Janeiro de 2018
EM MINAS
Por causa de show cancelado, Justiça bloqueia bens de Marília Mendonça

Determinação é para ressarcir quem comprou o ingresso e não recebeu o dinheiro de volta

Publicado em 10/01/2018 - 08h02

A cantora sertaneja Marília Mendonça teve uma parte dos bens bloqueados por causa de um show não realizado em Araguari, no Triângulo Mineiro. A decisão foi da segunda instância, isto é, do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG).

O show em questão foi marcado, inicialmente, para 3 de fevereiro de 2017. No entanto, não aconteceu devido ao mau tempo na data. Foi remarcado para 9 de março do ano passado, mas também não aconteceu, sob argumento de fortes chuvas previstas para o dia.

O caso foi parar na Justiça após o Procon da cidade receber reclamações dos consumidores que compraram os ingressos antecipados e não receberam o dinheiro de volta.

O TJMG determinou o bloqueio judicial de R$ 100 mil em bens da cantora, da contratante do show em Araguari, e da Workshow, produtora do evento, para ressarcir os consumidores. Dividido entre os réus, cada um teve cerca de R$ 33 mil bloqueados.

Em nota, a assessoria de Marília Mendonça destacou que a cobrança é ”indevida” e que os shows teriam sido cancelados por conta do ”mau tempo”. Além disso, a equipe da cantora afirma que a responsabilidade de devolver os valores referentes aos ingressos é da contratante.

A Comarca de Araguari fará em 17 de janeiro, uma audiência de conciliação no caso.

(Com informações Portal UAI)


Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.