Quarta-feira, 15 de Agosto de 2018
SEGUNDO VAZAMENTO
Mineroduto da Anglo American tem novo vazamento de minério

O vazamento durou cinco minutos e atingiu rio de Santo Antônio do Grama, na Zona da Mata

Publicado em 30/03/2018 - 09h58
Foto: Ministério Público de Minas Gerais

Um novo vazamento ocorreu no mineroduto da Anglo American em Santo Antônio do Grama, na Zona da Mata mineira. O incidente foi registrado, segundo a mineradora, às 18h55 dessa quinta-feira, 29 de março.

“O vazamento de polpa de minério de ferro, material não perigoso, durou aproximadamente cinco minutos e já foi estancado”, afirmou a Anglo, em nota. O incidente não teve feridos.

Por causa do episódio, todas as operações da empresa foram paralisadas e empregados terão férias de 30 dias, informou a companhia. O vazamento é acompanhado pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis (Ibama), que deu ordem de suspensão das atividades.

Desta vez, o abastecimento de água em Santo Antônio do Grama não foi atingido, conforme a Anglo, uma vez que a captação é feita em outro rio.

O primeiro vazamento na cidade ocorreu em 12 de março, quando pelo menos 300 toneladas de polpa de minério vazaram em Santo Antônio do Grama. Após reparos no mineroduto, a Anglo retomou na terça-feira (29) a operação do Minas-Rio.

Santo Antônio do Grama está localizado na região sudeste do estado, a 210 km de Belo Horizonte. O rompimento, pela segunda vez, se deu em trecho do mineroduto localizado na zona rural do município e atingiu o ribeirão Santo Antônio. O Ministério Público do estado e federal instauraram inquérito civil para apurar os danos ambientais provocados pela Anglo American.

O Minas-Rio produz minério de ferro em Alvorada de Minas e Conceição do Mato Dentro e o transporta por mineroduto até o terminal de Porto de Açu, em São João da Barra, no Rio de Janeiro.

Em vídeo veiculado nas redes sociais, o presidente da Anglo American, Ruben Fernandes, se posiciona sobre o assunto. Assista:

LEIA TAMBÉM


Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.