Segunda-feira, 15 de Julho de 2019
saúde
HNSD é referenciado pela Anvisa por alta adesão às práticas de segurança do paciente

A avaliação é nacional e realizada em todos os hospitais do país que possuam leitos adulto de UTI, o que exige a implantação de protocolos de segurança

Publicado em 21/04/2019 - 11h32

Uma avaliação feita pela  Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) referenciou o Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD) por alta adesão às práticas de segurança do paciente. A  Autoavaliação das Práticas de Segurança do Paciente em Serviços de Saúde referente ao ano de 2018 teve o resultado divulgado em 28 de março, e repassado à imprensa neste domingo, 21 de abril.

A avaliação é nacional e realizada em todos os hospitais do país que possuam leitos adulto de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), o que exige a implantação de protocolos de segurança. Ao todo, foram avaliados 20 critérios relacionados às práticas que garantem o bem-estar dos pacientes.

Conforme destaca o documento da Anvisa, “a segurança do paciente envolve a avaliação permanente dos riscos em serviços de saúde e requer ações como o uso de protocolos específicos e estabelecimento de barreiras de segurança nos sistemas e gestão dos eventos adversos para prevenir e reduzir riscos e danos”.

Para o diretor executivo do HNSD, Alexandre Coelho, esse resultado demonstra que o hospital itabirano está comprometido em implantar e cumprir as determinações da Anvisa para garantir a segurança das pessoas atendidas. Essas ações estão relacionadas a identificação certa do paciente, correta prescrição médica, bom uso e administração de medicamentos, higienização do ambiente, dentre outras.

“Uma vez implementados os protocolos, os colaboradores da instituição desenvolvem a cultura da segurança do paciente, visando a qualidade no serviço e na prevenção de eventos adversos. Dessa forma, essas práticas propiciam melhorias nos cuidados assistenciais do hospital. Todas essas ações são interligadas entre as nossas equipes e envolve todos os setores do HNSD”, explica Alexandre Coelho.

A participação do HNSD na Autoavaliação das Práticas de Segurança do Paciente em Serviços de Saúde foi coordenada pela enfermeira Natália Valéria da Cruz Silva e pelo médico Marcelo Fontana Monteiro, responsáveis pelo Núcleo de Segurança do Paciente do hospital.


Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.