Segunda-feira, 22 de Abril de 2019
ANO LETIVO
Em Itabira, escolas da Rede Municipal de Ensino não adiarão retorno das aulas

Secretário de Educação afirma que o atraso no repasse de verbas não prejudicará o retorno das atividades letivas

Publicado em 22/01/2019 - 15h46
O Secretário de Educação, José Gonçalves Moreira.

Mesmo com os cofres públicos amargando as consequências do atraso no repasse de verbas por parte do governo estadual, as escolas municipais de Itabira terão o início das aulas em 4 de fevereiro, data regular prevista ainda no ano passado.

De acordo com o secretário de educação, José Gonçalves Moreira, diferente das cerca de 350 cidades que anunciaram o atraso no período letivo, Itabira tem condições de começar as atividades sem prejudicar o serviço. “No primeiro momento as escolas municipais não vão ser prejudicadas. O que salva Itabira são os royalties, a Compensação Financeira pela Exploração Mineral (Cfem), alguns outros repasses de impostos da Vale, mas alguns municípios não têm essa fonte de renda”, disse.

Ainda segundo o secretário, obedecer corretamente o número de dias letivos e horas por aula auxilia para que ao final do ano a condição de trabalho esteja equilibrada, mesmo que ainda falte algum repasse. “A situação do estado em si ainda é considerada difícil e geralmente próximo ao final do ciclo escolar acontecem de atrasos na transferência das verbas da educação, então a gente já está prevendo isso, no bom sentido, para que o calendário possa ser mantido em funcionamento normal”, explicou.

Sobre o fluxo de gastos da prefeitura, José Gonçalves confirmou que o governo tem feito o possível para que os serviços essenciais da educação sejam mantidos. “A prefeitura tem feito todo o trabalho possível no sentido de não faltarmos com a população, para isso temos cortado as nossas gorduras, feito ajustes, economizado em alguns pontos para não faltar o salário do servidor, não faltar o combustível para o ônibus escolar e nem vale transporte para os nossos alunos”.

Perspectivas para 2019

Para este ano, o secretário confirmou a continuidade de projetos importantes para a pasta, como o Cultura Empreendedora, Conexão Jovem. Também estão previstas a criação de um calendário para inciativas na área do esporte em junção com a educação.

Rede Estadual

governador de Minas Gerais, Romeu Zema, participou, na segunda-feira, 21, em Belo Horizonte, do primeiro encontro com os superintendentes das 47 Regionais de Ensino do estado. Durante a reunião, foi anunciado pelo governo o repasse de R$ 48,7 milhões em investimentos na área educacional para o início das aulas em fevereiro.

Durante o evento, a Secretária de Estado de Educação, Júlia Sant’Anna falou sobre o compromisso estabelecido pelo governo com a área da educação. “Estamos começando o ano letivo com a regularização dos repasses das escolas. Precisamos garantir que as pessoas nas unidades escolares tenham tranquilidade para trabalhar. Então, agora no início do ano, estamos totalizando repasses de R$ 48,7 milhões”, disse a secretária. O início do ano letivo 2019 está previsto para o dia 7 de fevereiro, quando cerca de 2,1 milhões de alunos retornam às aulas.


Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.