Segunda-feira, 17 de Junho de 2019
BR-381
Acidente na BR-381 faz cinco vítimas fatais

O acidente é considerado grave e o trânsito está lento no local

Publicado em 28/12/2018 - 14h51
Foto: Polícia Federal Rodoviária

Uma colisão frontal envolvendo um carro e uma carreta, por volta das 13h45min da sexta-feira, 28 de dezembro, na altura do km 376 da BR-381, próximo ao Montanha Lanches, em São Gonçalo do Rio Abaixo, resultou na morte de um homem de 43 anos, sua esposa e seus dois filhos, um de 10 anos e outra de 17 anos.

Segundo informações, o Corsa Wind, modelo 1998, cor prata saia de Ipatinga no sentido João Monlevade, quando em uma curva o carro rodou na pista molhada, invadiu a contramão e bateu de frente com a carreta Mercedes Benz 2014.

Foto: Thales Benício

O motorista da carreta de 33 anos disse aos policiais que seguia no sentido Belo Horizonte quando em uma curva deparou com o carro rodando, vindo em sua direção. De imediato freou a carreta e ainda tentou desviar, mas não conseguiu evitar o acidente. O motorista não se feriu com a colisão.

O Pelotão do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG) em Itabira e o Serviço Voluntário de Resgate (SEVOR) de João Monlevade foram chamados para o socorro das vítimas, mas na chegada dos bombeiros e dos socorristas todos os ocupantes do carro estavam mortos no interior do Corsa totalmente destruído com a colisão.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) foi comunicada do acidente e uma guarnição esteve no local para o registro da ocorrência. Os policiais rodoviários preservaram a cena para os trabalhos da perícia técnica da Polícia Civil de Itabira.

Segundo a PRF, o trânsito teve que ser completamente interditado nos dois sentidos para os trabalhos periciais e só foi liberado por volta das 18h, o que causou um congestionamento com cerca de 5 km em ambos os sentidos da rodovia.

Após a perícia, os bombeiros levaram quase duas horas para cortar o carro e retirar os corpos das ferragens, que em seguida foram encaminhados para serem examinados por um legista no Instituto Médico Legal (IML) na cidade de Itabira. Segundo informações, a família residia na cidade de Ipatinga e estava retornando de uma viagem no norte do estado.


Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.