Terça-feira, 25 de Novembro de 2014 -
17,18 E 21 DE MAIO

Dia Nacional de Combate ao Abuso Sexual e Luta Antimanicomial tem atividades em Itabira

06/05/2013 08h34
REPRODUÇÃO
A data tornou-se um o marco nacional no combate ao abuso e à exploração sexual infanto-juvenil

 

Nos dias 17, 18 e 21 de maio em Itabira serão realizadas intervenções e campanhas educativas para marcar o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes e o Dia Nacional de Luta Antimanicomial, ambos celebrados em 18 de maio. A iniciativa é da Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Entre as atividades promovidas está o Fórum da Rede de Atenção à Criança e ao Adolescente, que será realizado no dia 17 de maio, na Fundação Comunitária de Ensino Superior (Funcesi), das 13h às 17h30.As inscrições para participação do Fórum (direcionados aos profissionais da rede de atenção intersetorial) podem ser feitas até o dia 14 de maio pelo  telefone 3839 2620 ou pelo email: saudementalitabira@gmail.com. As vagas são limitadas.

Os objetivos do Fórum são criar comissões permanentes para atendimentos às crianças e adolescentes, por região, e fortalecer a Rede de Atenção à Criança e Adolescente, por meio de mobilização popular e dos profissionais, que contará com campanhas educativas e treinamentos diversos.

Esta mobilização será articulada pelo Centro de Atenção Psicossocial para Adultos (Caps), Centro de Atenção Psicossocial Infantil (Capsi) e o Centro de Convivência Interagir, do bairro João XXIII. Participarão também como parceiros, o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, a Comissão de Atenção às Vítimas de Violência Sexual e Doméstica de Itabira e o Conselho Tutelar.  Uma das atividades alusivas à Luta Antimanicomial será a campanha educativa pela proteção e garantia dos direitos das pessoas portadoras de transtornos mentais, de modo a aprimorar o modelo assistencial em saúde mental. No dia 21 de maio, será ministrado pelo 5º Pelotão do Corpo de Bombeiros Militar de Itabira, um treinamento, com o tema “Abordagem a pacientes em crise”.

 

A data tornou-se um o marco nacional no combate ao abuso e à exploração sexual infanto-juvenil devido a um crime bárbaro que ocorreu em 1973, na cidade de Vitória-ES, contra Araceli Cabrera Sanches. A garota,então com oito anos, foi drogada, espancada, estuprada e morta por membros de uma tradicional família capixaba.

Desde o ocorrido, a sociedade civil em defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes realiza no dia 18 de maio atividades em todo o país para promover a conscientização da sociedade e das autoridades sobre a gravidade da violência sexual como um todo, principalmente contra crianças e adolescentes.             

Programação das atividades

Até o dia 14/05

Inscrições para o Fórum da Rede de Atenção à Criança e ao Adolescente  - vagas limitadas – ramal 2620 ou pelo email: saudementalitabira@gmail.com.                                                       

17/05

- 08h às 12h: Campanha Educativa na praça Acrísio Alvarenga-  13h às 17h30: Fórum da Rede de Atenção à Criança e Adolescente na Funcesi                                                          

18/05

 -  08h às 12h: Intervenções na avenida Mauro Ribeiro, promovidas pelo Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf)

 21/05

 - 08h às 17h: Treinamento sobre abordagem a pacientes em crise  ministrado pelo Corpo de Bombeiros.

       

 

 

 

 

 

 

 

Se você não tem Facebook, utlize o formulário abaixo para comentar.
Você pode ser o primeiro a comentar.
Novo comentário
Sou cadastrado
Não sou cadastrado
Comentário
Leia mais em: Educação
Mais
Emprego